Cocô! Eca Meu Cachorro Come.

Cocô. Veja 8 Motivos que podem levar os Cachorros a Comer fezes

Cocô virou um problema? Mesmo com ração de qualidade e água fresca, você viu seu cachorro comendo cocô. Isso sempre causa espanto, porém não é algo raro de acontecer, seja o qual for a raça do cão.

Quando vemos o cachorro comendo cocô, a primeira hipótese que cogitamos é que ele possa estar doente. Mas, no entanto, a coprofagia nome dado ao ato de comer fezes, seja as suas próprias ou de outros animais, não é nenhuma raridade entre os cães, porem alguns motivos específicos podem leva-los a essa pratica, veja alguns deles:

1 – Sem Desperdício

Todos sabemos da capacidade e eficiência do faro dos cachorros, por terem o faro muito apurado, eles acabam sentindo o cheiro de alguns nutrientes que não foram totalmente digeridos, e por sua vez, acabam comendo o cocô no intuito de absorver tais nutrientes.

Se seu cão tem uma alimentação com uma taxa de proteínas e fibras abaixo de recomendável, isso poderá fazer ele buscar esses nutrientes por conta própria, e essa busca pode acabar parando em fezes de outros animais, afinal ele está buscando o que ele sente que está lhe faltando.

2 – Digestão

A digestão do cão é um fator de muita importância e que pode acabar levando o animal a comer seu cocô, isso porque alguns deles pode ter deficiência nas enzimas digestivas, algo que também pode levar ele a comer fezes a fim de suprir essa deficiência.

3 – Intestino

O intestino do cão, assim como o nosso, contém milhares de microrganismos que tem função primordial. Um intestino saudável, que tenha uma proporção de bactérias benéficas a saúde, maior que bactérias patogênicas, ira evitar que o cão coma seu cocô, motivo que pelo cocô conter bactérias o cão com uma baixa proporção de bactérias saudáveis pode tentar restaurar o equilíbrio comendo as fezes.

4 – Curiosos

Não pense que apenas os gatos são extremamente curiosos, os cães por sua vez não ficam atrás, e essa curiosidade em cães filhotes é ainda maior. Portanto alguns deles podem comer cocô devido ao simples fato de curiosidade, seja ela despertada pela textura ou pelo cheiro.

5 – Atividades

A falta de atividades com o cão, pode deixar ele tedioso, e esse tedio pode acarretar em alguns problemas no comportamento do nosso amiguinho, sem contar os problemas de saúde que pode vim junto, então fique atento e sempre que possível pratique atividades para evitar o tédio no cão, pois tédio excessivo será um gatilho para ele comer cocô.

6 – Brigar e Gritar

Cocô

O local de onde fazem suas necessidades e o ato de comer o cocô estão ligados, isso porque os cães em sua grande maioria reconhecem o local que devem fazer seu cocô, então é importante que independente do local que ele fizer, não o pune, nem brigue e muito menos grite com ele, seja por ter feito no lugar errado ou por você ter de limpar, com medo da punição o animal irá comer o cocô para que você não veja.

7 – Influenciado

Outros animais, seja cães ou mesmo gatos, pode influenciar no comportamento, já que cachorros tende a imitar e seguir hábitos de outros animais, se por sua vez ele se depara com um animal comendo cocô, isso poderá levá-lo a fazer o mesmo, por isso é de grande importância que todos os animais da casa tenha hábitos saudáveis, assim a influência será de forma positiva.

8 – Fome

Um dos fatores mais triste e que todos temos de nos unir para evitar que ele exista é a fome, as fezes tem cheiros de alguns nutrientes, algo que por sua vez pode levar um cão que está com fome a comer seu cocô, já que é uma das únicas formas de conseguir a ingestão desse nutrientes.

Compartilhe o Artigo em suas Redes Sociais, assim você ajuda que mais Doguinhos tenham tutores informados e que lhe dará um cuidado ainda melhor!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *